Benchmarking

em produtos tagg benchmarking, boas praticas, banco de marcas

Nos processos de melhoria contínua, fatalmente você irá se deparar com este termo:benchmarking que em japonês se lê dantotsu e nada mais é do que a comparação das suas práticas, dos seus processos, dos seus produtos, dos seus serviços com os de uma empresa similar em situação similar em um ambiente similar. Ao pé da letra seria a busca pela excelência buscando através da pesquisa, identificar, encontrar e superar os pontos fortes dos concorrentes e/ou melhorar seus pontos fracos.

A técnica de benchmarking é grande fomentadora de idéias e promove grande desenvolvimento na empresa, já que as melhores práticas adotadas no mercado são repetidas, todas as inovações de processos e melhorias, também são usufruídas pelas empresas participantes da população da pesquisa.

Algumas escolas subdividem o benchmarking em quatro grandes grupos:

 

Benchmarking Competitivo

É a modalidade mais temida pelos empresários, pois é aonde são colocadas as estratégias de marketing, de produto e de penetração de mercado.

 

Benchmarking Comum

Comparações de desempenho comum a todas empresas como satisfação do cliente, prazo médio de entrega, compra recorrente, etc.

 

Benchmarking Funcional

Comparações de desempenho de uma área específica.

 

Benchmarking Interno

Comparações de investimento X desempenho interno.

 

Longe de plagiar a criatividade da concorrência, o benchmarking motiva as empresas a pensar mais longe, a desafiar seus próprios limites através de esforços e criatividade que as conduzam aos fatores determinantes de seu sucesso.


Voltar Interessado?